Mas talvez tudo o que eu queira é sonhar…

Mais uma vez, lá estava eu. Correndo atrás daqueles balões coloridos que magicamente desapareciam pelo ar. Eu sempre parava para pensar onde eles iam parar. Talvez não fossem tão longe assim.

Parei ofegante por um segundo, e me sentei no banco da praça mais próximo. Tudo aconteceu tão rápido. Os balões já foram. Agora, eu teria que esperar mais um ano todo para os ver novamente.

Foi quando por um momento, fechei os olhos. Não existia mais um chão abaixo de mim, só eu e meus sonhos. Mentalizei mais uma vez, tudo o que eu mais desejava para minha vida. Afinal de contas, não há problema nenhum em fazer isso.

Quando abri os olhos, trombei com um garoto de cabelo loiro-amarelado. Ele carregava um balão igual o que eu estava observando a alguns minutos atrás. Foi quando ele estendeu a mão para mim, e eu finalmente lembrei de tudo. Estávamos juntos. Eu só fiquei observando os balões enquanto ele foi comprar um pra mim. Talvez não seja necessário tirar tanto os pés do chão. Tenho tudo o que mais preciso aqui comigo ❤

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s